quarta-feira, 19 de setembro de 2018

PESQUISA HORTIFRUTI – SETEMBRO/2018


O Centro de Estudos e Pesquisas do PROCON Barretos, realizou pesquisa de preços de produtos Hortifruti em 05 estabelecimentos comerciais, na data de 18/09/2018.

Em relação ao preço médio do mês anterior, verificamos que ocorreu um aumento de 6,18% nos preços, de R$ 102,25 para R$ 108,57.

Alguns produtos que apresentaram aumento no menor preço:

- Batata Doce (Kg): Mês anterior R$ 0,99 e no mês de setembro pode ser encontrado por R$ 1,45, variação de 46,46%;

- Tomate (Kg): Mês anterior R$ 0,99 e no mês de setembro pode ser encontrado por R$ 1,79, variação de 80,80%;

- Chuchu (Kg): Mês anterior R$ 1,15 e no mês de setembro pode ser encontrado por R$ 2,68, variação de 133,04%;

Portanto orientamos o consumidor a fazer uma pesquisa antes de sair às compras e procurar adquirir produtos de época, para conseguir economizar.


terça-feira, 11 de setembro de 2018

28 Anos do Código de Defesa do Consumidor

A partir de 11 de setembro de 1990, o consumidor foi merecedor de uma Lei que se adéqua ao cumprimento de suas necessidades, tendo garantido seus direitos básicos como consumidor, com proteção à vida, saúde e segurança, educação e divulgação sobre o consumo adequado dos produtos e serviços, a facilitação da defesa de seus direitos, inclusive a inversão do ônus da prova, proteção contra a publicidade enganosa e abusiva e proteção contratual das cláusulas abusivas. Bem como a fiscalização das relações de consumo e autuar, na forma da legislação, os responsáveis por práticas que violem os direitos do consumidor, para a efetiva prevenção coletiva dos consumidores e a educação dos fornecedores no mercado de consumo.

Com isso o consumidor vem notando as mudanças de comportamento dos fornecedores de produtos e serviços, que entendeu que existe uma lei que garante e protege os direitos dos consumidores.

Palestra Instituto Pró Família - Comemoração dos 28 anos do Código de Defesa do Consumidor

O Instituto Pró Família nos convidou para uma palestra no intuito de orientar a população sobre os direitos básicos do consumidor e principalmente na questão financeira. 

A Marcia Prieto, encarregada do Centro de Estudos e Pesquisas ministrou a palestra que foi um sucesso, pessoal da comunidade tirou muitas duvidas e mencionou que muito dos exemplos citados já havia ocorrido com eles e eles não sabiam como proceder.

Agradecemos o convite e a participação de todo, esperamos realizar novas palestras com o instituto.